A Hora Morta – 1

 

 

O EDIFÍCIO JOELMA

 

Olá, como vai leitor? Com medo?
Hoje, no nosso primeiro programa, vamos falar dos mistérios do Edifício Joelma, em São Paulo. Desde muito antes de sua construção, a desgraça já havia deixado sua marca. Será que ela é responsável pelo violento incêndio até suas inexplicáveis assombrações e mistérios? Durante as gravações do filme “Joelma, 23º andar”, pode-se notar vultos e imagens – espíritos presos no edifício ou truques de câmera?

Quantos mistérios existem entre a vida e o sobrenatural? Está preparado pra Hora Morta?

PARTE UM
ANTES DO FOGO, A DESGRAÇA

Três décadas antes da grande tragédia, em 1948, um homem já havia marcado, com brutais assassinatos, o mesmo terreno onde Joelma fora construído. “O Crime do Poço” escandalizou a sociedade paulistana da época e cravou com sangue a história do Edifício.

O Químico Paulo Ferreira de Camargo, do departamento de pesquisas da USP, de 25 anos, matou sua mãe e irmãs e as enterrou em um poço no quintal dos fundos de sua casa. Por namorar uma enfermeira não mais virgem, a família se opôs grandemente, uma vez que sexo antes do casamento era mal visto para a sociedade puritana da época – sendo assim, Paulo arquitetou friamente um plano de assassinato.
Primeiramente, com a premissa de fazer pesquisas químicas, ele construi um poço no quintal – a família de nada desconfiou.
Em 23 de Novembro, durante o almoço, Paulo as envenena com soniferos na comida; Em seguida, as mata com tiros na cabeça e joga seus cadáveres no poço, tampando-o.

Dias depois, a vizinhança passou a sentir falta de Benedia, Maria e Cordélia – mãe e irmãs respectivamente; sendo a polícia acionada para investigar o que estava acontecendo, acompanhados de relatos da vizinhança com um barulho de tiros dias antes e uma estranha movimentação perto do poço.
Com um mandato em mãos e muita desconfiança, a polícia adentra a casa de Paulo Ferreira – contiguamente à investigação dos policiais e a descoberta dos cadáveres em avançado estado de putrefação, Paulo suicida-se covardemente com um tiro no peito dentro de seu banheiro.

Professor da melhor universidade do Brasil até então, Paulo destruiu a sua e a vida de sua família por motivos mais que estúpidos. Usuários de drogas, pela facilidade de obtê-las dentro dos laboratórios da USP, Paulo já planejava há tempos tal barbárie, tendo atirado inúmeras vezes nas paredes das dependências da Universidade.

Um dos bombeiros morreu de infecção cadavérica durante as operações de retirada dos cadáveres do poço – uma das primeiras vítimas da maldição local? Será que os crimes brutais de 48 influenciaram de alguma forma nos incêndios e visões misteriosas do Joelma anos depois? O que o Espiritismo tem a dizer?

…NO PRÓXIMO PROGRAMA TEM MAIS…
Tem uma história sobrenatural para nos contar? Sugestões ou críticas? Elogios? Então mande no naotemoshora@cyberseries.com.br
Mande quantos e-mail se quiser, vocês são de casa 😉

Equipe Cyber Séries

Texto produzido e baseado através dos artigos dos sites Além da Imaginação e Mundo Freak PodCast.-” ”>-‘.’ ”>

clique na imagem para comprar
clique na imagem para comprar
padrao


Este conteúdo pertence ao seu respectivo autor e sua exposição está autorizada apenas para a Cyber TV.

COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on tumblr
Tumblr

LEIA TAMBÉM