Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on telegram

E Vamos À Luta! Capítulo 19

E Vamos Á Luta!

Novela de Débora Costa

Escrita Por

Débora Costa 

Baseado Na Novela: A Fábrica de

Geraldo Vietri

Colaboração

Tainá Andaluz

Direção Artística

Wellyngton Vianna

Núcleo

Cyber TV

Personagens no capítulo

ALEX

ALFREDO

AMANDA

ANGELA

BRUNO

CAMILA

CÉLIA

CÉSAR

CLARICE

DANIEL

DENISE

EDUARDA

ERASMO

FÁBIO

GABRIEL

ISADORA

IVAN

JOSÉ

JOSIVALDO

JULIANA

KIRA

LIZ

LÚCIA

MANUELA

MARTA

NICOLAS

OTAVIANO

PATRICIA

Caro leitor, o capítulo a seguir não teve a revisão da pontuação, portanto você irá encontrar alguns erros referente a essa parte, mas nada que prejudique a história. Peço desculpas, e agradeço por estar acompanhando a novela. 

Cena 1/Int./Tecelagem Santa Isabel/Sala de Segurança/Dia.

Liz e Alex estão vendo os vídeos das câmeras de segurança, Liz observa atenta José e Fábio trabalhando, Alex está preocupado, nas imagens Liz vê Otaviano se aproximando das prateleiras e em seguida mexendo na estrutura delas, Liz fica séria, nas imagens vê Otaviano empurrando a prateleira para cima de Fábio e José.

LIZ

(inconformada) Eu não posso acreditar numa coisa dessas… Otaviano provocou o acidente do Fábio!

ALEX

(finge espanto) Liz, estou tão consternado como você, eu não fazia ideia do caráter do Otaviano.

LIZ

Nem eu, vou falar com ele imediatamente.

ALEX

Deixa que eu o chamo pra você, peço para ele ir até a sua sala.

LIZ

Faça isso então, mas que não demore, e que isso fique entre nós, não quero causar uma revolta generalizada aqui dentro.

ALEX

Claro, você tem toda a razão.

Liz sai, Alex fica com raiva, pensativo.

Cena 2/Int./Tecelagem Santa Isabel/Laboratório de química/Dia.

Otaviano e Alex estão conversando.

OTAVIANO

(nervoso) Ela vai me demitir Alex!

ALEX

Provavelmente sim.

OTAVIANO

E por sua culpa! Você mandou eu fazer aquilo, e disse que não daria em nada pra mim.

ALEX

Você vai assumir toda a culpa para Liz, não vai tocar no meu nome, eu vou dar um jeito de te arrumar um trabalho novo, e até lá te dou uma boa quantia em dinheiro.

OTAVIANO

(pensativo) Se é assim… Tudo bem.

ALEX

Ótimo, e mais uma vez vou repetir, não toque no meu nome.

OTAVIANO

Não vou falar nada.

ALEX

Ótimo, então vamos lá.

Cena 3/Int./Tecelagem Santa Isabel/Administração/Escritório de Liz/Dia.

Liz está sentada, Otaviano e Alex entram.

OTAVIANO

Dona Liz, a senhora quer falar comigo?

LIZ

Quero, eu estava vendo os vídeos feitos pelas câmeras de segurança, para descobrir como foi o acidente de Fábio, e vi algo que me surpreendeu… Você mexendo na estrutura da prateleira e depois empurrando para cima de Fábio e José.

OTAVIANO

Dona Liz/

LIZ

Já adianto que não tem como negar, dá para te ver claramente nas imagens, e eu só quero saber o motivo, por que você fez isso? Fábio poderia estar morto, e José também.

OTAVIANO

(sério) Eu tenho desavenças com o Fábio, fazia muito tempo que queria dar uma lição nele.

LIZ

E por essa atitude você está demitido Otaviano, e por justa causa, fale com a Célia, e nunca mais volte aqui.

OTAVIANO

Você acha que isso é ruim? Fábio está todo quebrado como eu queria, e o fato de não ter mais que voltar aqui e ver esse bando de otários, é libertador.

Otaviano sai, bate a porta, Liz fica inconformada. 

LIZ

Mais que sujeitinho horroroso!

ALEX

Concordo, eu vou atrás dele para ver se não arruma mais confusão. 

Alex sai.

Cena 4/Int./Tecelagem Santa Isabel/Pátio/Dia.

Denise e Josivaldo estão sentados, conversando.

JOSIVALDO

Eu não fazia ideia de quanto sua mãe me odiava.

DENISE

Nem eu, meu amor, mas agora acredito que estamos livres dela.

JOSIVALDO

Você tem certeza que quer ficar comigo? Vai ver sua mãe tá certa, sou pouco para você.

DENISE

Não meu amor! Você é tudo o que faltava na minha vida, eu te amo.

JOSIVALDO

(sorri) Se é assim, valeu a pena levar tanta porrada.

Denise ri, acaricia o rosto de Josivaldo. 

DENISE

O que ela mandou fazer foi uma maldade.

JOSIVALDO

Denise… Eu te amo muito, e quero me casar com você.

DENISE

(surpresa) É sério?

JOSIVALDO

Muito sério, você sendo a minha mulher a gente não vai mais precisar viver com medo do que aquela cobra possa fazer.

DENISE

(sorri) Concordo.

JOSIVALDO

Você aceita se casar comigo?

DENISE

(emocionada) Claro que sim meu amor, eu te amo.

Denise e Josivaldo se beijam. 

Cena 5/Int./Mansão Camargo/Sala/Noite.

Liz, Carlos e Marta, estão sentados no sofá, conversando.

LIZ

Então vocês namoravam? Como eu nunca percebi isso?

CARLOS

Porque a Marta sempre quis esconder.

MARTA

Não é bem assim.

CARLOS

É assim sim, por mim eu assumia nosso namoro, mas você tinha medo do peso que isso poderia ter em nossas vidas, você e não eu.

LIZ

Eu acho que se importar com a opinião de quem está de fora é uma bobagem.

CARLOS

Eu também, Liz.

MARTA

Mas não tinha ninguém de fora, só pessoas da família de vocês.

CARLOS

E por isso Marta, terminou comigo e ainda escondeu que estava grávida.

LIZ

(sorri um pouco) Então a Camila, é minha prima.

CARLOS

É, e ela já sabe.

MARTA

Liz, você está magoada comigo, por causa de tudo isso que contamos?

LIZ

Não Marta, a vida é sua, embora eu pense como o meu tio, você fez o que achou que deveria ser feito.

MARTA

Obrigada por me entender, Liz.

LIZ

(sorri) Mas e agora? Vocês estão juntos ou não?

CARLOS

(sorri) Estamos.

LIZ

Eu fico muito feliz por vocês.

MARTA

Eu também estou feliz por ter o Carlos na minha vida novamente.

LIZ

Eu vou ver como o Fábio está, e contar o que causou o acidente.

CARLOS

Liz, você não acha estranho que o tal Otaviano, tenha feito algo tão arriscado, sozinho?

LIZ

Por que você está falando isso, tio?

CARLOS

Porque pra mim tem alguém por trás do que ele fez.

Liz fica pensativa. 

Cena 6/Int./Clube/Restaurante/Noite.

Alex e Ângela entram, Renato e Clarice que estão sentados em uma das mesas os veem, e acenam para eles irem até a mesa em que estão, Alex e Ângela se aproximam.

CLARICE

Que bom que estão aqui, vocês já conhecem o Renato?

ALEX

Não.

RENATO

Eu sou irmão do Mauricio, que foi casado com a Liz.

Alex o encara.

ALEX

Entendo, bem Ângela e eu vamos jantar, com licença.

CLARICE

Sentem – se conosco, estamos falando de algo que vai interessar vocês.

ÂNGELA

Ah é, o que?

RENATO

Nós vamos tirar tudo o que a Liz tem, mas sozinhos isso não será possível.

Ângela e Alex se olham cumplices, se sentam.

ALEX

E como vão conseguir isso?

CLARICE

Liz vai ceder a herança dela para mim.

ÂNGELA

(sarcástica) Claro, com toda certeza.

RENATO

A Liz vai fazer isso sem saber que está fazendo.

ALEX

Eu acho melhor vocês pararem de beber, não estão falando coisa com coisa.

CLARICE

Alex, o nosso plano é fazer com que a Liz, assine o documento que passe tudo pra mim, sem saber que está assinando tal coisa.

ALEX

(sorri) Agora entendi.

ÂNGELA

Mas tudo que a Liz assina, a Célia lê antes de entregar á ela.

CLARICE

É ai que vocês entram, vocês vão ter que dar um jeito para a Liz assinar sem a Célia ler antes, ou ela mesma.

ALEX

Não vai ser tão fácil, mas dá para fazer, porém eu quero uma parte nisso.

CLARICE

Claro, é só falar o que você quer em troca.

ALEX

Eu quero a tecelagem, e o capital social dela.

RENATO

(pensativo) Tudo bem, essa tecelagem não me interessa mesmo.

ÂNGELA

Eu quero uma quantia em dinheiro.

CLARICE

Se nos ajudar vai ter.

RENATO

Temos um acordo? Vocês irão nos ajudar, para que Liz, assine o documento?

ALEX

Vamos, destruir a Liz, é tudo que eu desejo.

Cena 7/Int./Shopping/Noite.

José, Amanda, Lúcia, Isadora, e Gabriel, estão animados, fazendo compras para substituírem tudo o que perderam durante a enchente. Entram em lojas de móveis: Amanda e Gabriel se jogam em um sofá que acharam bonito, Isadora se joga em uma cama, entram em loja de eletrodoméstico: Lúcia adora uma das geladeiras, José gosta de um dos fogões, entram em uma lanchonete, todos estão felizes, José e Lúcia se beijam. 

Cena 8/Int./Mansão Camargo/Quarto de Hóspedes/Noite.

Liz está sentada na cama, segurando a mão de Fábio.

FÁBIO

(nervoso) Quando eu ficar melhor, vou quebrar a cara do Otaviano!

LIZ

Não vale a pena Fábio, eu o demiti.

FÁBIO

Vale a pena sim, covarde! Ainda age pelas costas.

LIZ

Está gostando de ficar aqui?

FÁBIO

Sim e não: Sim porque pra começar, esse quarto é maior que o apartamento que moro, a Marta vem aqui a cada minuto perguntar se to bem e se quero alguma coisa, vou sair daqui pensando uns vinte quilos a mais. E não, porque ficar parado sem fazer nada, me deixa agoniado.

LIZ

(ri) Eu imagino como deve estar sendo difícil pra você, mas logo você vai estar bem.

FÁBIO

A melhor parte é isso, estar ao seu lado.

LIZ

(sorri) Estou adorando ter você por perto.

Liz e Fábio se beijam, trocam caricias, não conseguem parar de se beijar, Liz se levanta ofegante, se recuperando. 

LIZ

É melhor eu ir, você está com as costelas quebradas e a ordem é para não se esforçar.

FÁBIO

Dependendo o tipo de esforço, vai valer a pena ficar mais uns dias de molho.

LIZ

(ri) Nem vem com essa, hoje eu tenho que ir, mas quem sabe amanhã, ou depois de amanhã…

FÁBIO

(sorri) A madame sabe ser malvada também.

Liz beija Fábio.

LIZ

Sei, mas é para seu bem, até amanhã, meu amor.

Liz vai saindo.

FÁBIO

Liz.

Liz volta, se aproxima da cama.

LIZ

Precisa de alguma coisa?

FÁBIO

É, eu preciso te falar uma coisa, que não falo pra ninguém.

LIZ

(preocupada) O que?

FÁBIO

Eu te amo.

LIZ

(sorri) Eu também te amo, e não esperava dizer isso tão cedo para alguém.

FÁBIO

Fico feliz por me dizer.

LIZ

É mais do que falar, é sentir.

Liz beija Fabio. 

FÁBIO

A madame não vai ficar mesmo?

LIZ

(ri) Não, boa noite.

Liz sai, Fábio sorri.

Cena 9/Int./Dia Seguinte/Mansão Camargo/Sala/Dia.

Camila e Carlos estão de saída, Liz desce as escadas.

LIZ

Bom dia!

CARLOS

Bom dia Liz.

Liz se aproxima de Camila. 

LIZ

(sorri) Eu já sei que somos primas, e estou muito feliz por isso.

CAMILA

Eu achei que você não fosse gostar.

LIZ

Convive comigo há tanto tempo e não me conhece direito.

Liz abraça Camila. 

LIZ

Você já era bem vinda por mim antes, agora é muito mais.

CAMILA

(sorri) Obrigada.

CARLOS

Nós vamos dar uma volta, quer vir conosco?

LIZ

Não tio, vou ficar com o Fábio.

CARLOS

Tudo bem, até mais tarde.

Carlos e Camila saem, Kira desce as escadas, Liz vê o rosto de Kira marcado, fica preocupada. 

LIZ

Kira, o que aconteceu com você?

KIRA

Se eu te contar você não vai acreditar, eu pisei no meu sapato que estava jogado no quarto, e cai de cara no chão.

LIZ

Você está bem?

KIRA

Ótima, foi só o susto mesmo.

Fábio desce as escadas, Liz se aproxima dele. 

LIZ

Fábio, você não deveria estar andando.

FÁBIO

Liz, eu não aguento mais ficar dentro daquele quarto, não to com dor.

LIZ

Tudo bem, senta aqui que vou buscar o seu café.

Fábio se senta no sofá, olha Kira. 

FÁBIO

Sua cara deve ta quente ainda, depois das bifas que levou.

KIRA

(irritada) Quer calar a boca!

Fábio ri, Kira sobe as escadas, a campainha toca, Marta vai abrir a porta, José, Lúcia, Amanda, e Isadora, Nicolas e Ivan entram.

JOSÉ

(sem jeito) Bom dia, a dona Liz disse que a gente podia ver o Fábio.

MARTA

(sorri) Sim, podem ficar a vontade, ele está aqui na sala.

Entram admirando a mansão.

IVAN

Rapaz que casa gigante.

AMANDA

(deslumbrada) Parece um castelo.

José se aproxima de Fábio, que fica feliz ao vê – lo. 

FÁBIO

Oi gente, que tão fazendo aqui?

NICOLAS

A gente veio te ver.

Liz se aproxima trazendo uma bandeja com o café da manhã de Fábio, entrega para ele. 

LIZ

Que bom que vocês vieram, fiquem á vontade.

LÚCIA

(sorri) Obrigada Liz.

Ivan se senta ao lado de Fábio, olhando as coisas que tem na bandeja. 

IVAN

Eu quero um pedaço desse bolo ai.

FÁBIO

Vai fica querendo, é meu.

LIZ

Não vão brigar por isso, tem mais na cozinha, vou pedir para a Marta, servir o café para vocês.

ISADORA

Não precisa Liz, a gente já “tomamos” café, é que esse ai tem lombriga. 

Liz ri, disfarça.

JOSÉ

(com vergonha) Que é isso, que parar de falar besteira.

Amanda está olhando pela janela, se aproxima de Lúcia.

AMANDA

(empolgada) Mãe! Vem ver a piscina que tem aqui!

LIZ

Você quer entrar nela?

AMANDA

Sério? Eu posso?

LIZ

Claro, fique a vontade, e quem quiser ir também.

AMANDA

Mas eu não trouxe biquíni.

JOSÉ

Ainda bem, porque eu deixo você usar maiô! Biquíni não.

LIZ

(sorri) Não tem problema, aqui tem biquíni, e maiô também, faz muito tempo que não recebo visitas, e nem faço reuniões com minhas amigas na piscina, mas tem tudo novo para essas ocasiões. 

LÚCIA

Eu vou também.

ISADORA

Eu também! Mas não se preocupa com biquíni pra mim não, eu adoro nadar pelada, pode?

Isadora levanta um pouco da blusa, Lúcia a segura, Nicolas e Ivan estão encantados com Isadora.

TODOS

Não!

JOSÉ

Ô Lúcia da um jeito na doida da sua irmã!

LIZ

(ri) Podem ir para a piscina.

Todos menos Fábio saem, Liz se senta ao lado de Fábio.

FÁBIO

Até esqueceram de mim.

LIZ

Nós vamos também, termina seu café primeiro.

Liz beija Fábio. 

Cena 10/Int./Mansão Camargo/Quarto de Kira/Dia.

Kira observa da janela, a movimentação na piscina, vê todos felizes, se divertindo, vê Fábio e Liz chegando na piscina, observa tudo com raiva e inveja, o celular toca, ela atende.

KIRA

Oi Alex. (ouve Alex enquanto observa todos na piscina) Já estou indo, ficar aqui está um porre, a Liz encheu a casa de gente pobre, estão todos na piscina, bem típico de pobre. Até logo.

Kira desliga, observa mais um pouco a movimentação pela janela, vê Liz e Fábio se beijando, revira os olhos, pega sua bolsa e sai. 

Cena 11/Int./Casa de Alex/Sala/Dia.

Kira entra, beija Alex.

KIRA

Você não sabe do que me livrou, estava quase vomitando de ver aquela gentinha.

ALEX

(sorri) O que tenho para te falar vai melhorar o seu ânimo.

KIRA

Então fala logo.

ALEX

Clarice, Renato, Ângela e eu, vamos tirar tudo de Liz.

Kira gosta, sorri maldosa. 

KIRA

Como vão fazer isso?

ALEX

Vamos dar a ela um documento onde a Liz vai ceder a tecelagem pra mim, e tudo o que herdou, para Clarice, você quer nos ajudar?

KIRA

(ri maldosa) É claro que quero! E não quero nada em troca, vai ser um prazer, aliás, eu quero uma coisa sim.

ALEX

O que?

KIRA

Para Liz perder tudo, ela tem que perder o Fábio também, você vai ter que ajudar a separar os dois.

Alex abraça Kira pela cintura, a olha nos olhos.

ALEX

Isso eu também vou fazer por prazer.

Kira e Alex se beijam com desejo.

Fim do Capítulo 

POSTADO POR

Débora Costa

Débora Costa

COMPARTILHAR

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on tumblr
>
Rolar para o topo