Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on telegram

Insensatez – capítulo 33

Insensatez

Novela de Débora Costa

Escrita Por

Débora Costa

Colaboração

Tainá Andaluz

Direção

Wellyngton Vianna

Núcleo

Cyber TV

Personagens desse capítulo

AMON

AUGUSTO

DANILO

DIMITRI

FERNANDA

GIANE

MARCOS

RAYSSA

RICARDO

SOFIA

VÂNIA


Cena 1/Ext./Osiria Cosméticos/Noite.

Marcos e Fernanda estão saindo da empresa, um relâmpago é visto por eles e em seguida eles ouvem trovoadas.

FERNANDA

Ainda bem que estamos saindo agora, eu não gosto de dirigir enquanto chove.

MARCOS

Meu amor não vai para a casa agora, vamos comemorar a nossa reconciliação, eu te deixo em casa depois.

FERNANDA

E o que você sugere para essa comemoração?

Marcos sorri, abraça Fernanda pela cintura.

MARCOS

Acho que você já sabe.

Marcos beija Fernanda, Dimitri se aproxima.

DIMITRI

Fernanda eu estava te esperando, preciso falar com você.

Marcos fica com raiva.

MARCOS

Dimitri você não percebe que a Fernanda está comigo! Para de perseguir a minha noiva!

Dimitri segura Fernanda pelo braço ignorando Marcos.

DIMITRI

Vamos conversar em outro lugar chérie.

Marcos solta Fernanda de Dimitri, dá um soco no rosto de Dimitri.

MARCOS

Eu só vou falar uma vez! Fica longe da minha noiva ou não respondo por mim! Entendeu?

FERNANDA

Você mereceu Dimitri.

MARCOS

Vamos sair logo meu amor, antes que eu arrebente esse cara!

Fernanda e Marcos saem, Dimitri coloca a mão no rosto, está com raiva.

DIMITRI

A única mulher que me interessa e o que acontece? Ela tem um noivo babaca… Mas isso não vai ficar assim, não vou desistir tão fácil.

Cena 2/Int./Apartamento de Marcos/Sala/Noite.

Tem algumas malas na sala, Vânia entra, coloca um bilhete em cima da mesa, pega sua bolsa.

VÂNIA

Você quis assim Marcos.

Vânia pega as malas e sai.

Cena 3/Int./Apartamento de Amon/Sala/Noite.

Giane está sentada em uma poltrona de frente para a porta, Amon entra, Giane sorri, Amon olha as pétalas de rosas vermelhas espalhadas, as velas, olha Giane.

AMON

O que significa tudo isso?

Giane se levanta, pega uma taça duas taças de champanhe, entrega a Amon que a observa.

GIANE

Significa meu querido que eu estou arrependida por ter te deixado, fui uma estúpida ao te trocar por Sérgio.

AMON

É mesmo?

GIANE

Você sabe que eu não estaria aqui se não fosse isso, te quero de volta Amon.

Giane e Amon se beijam.

AMON

Você está linda assim sabia.

GIANE

Mesmo ainda tendo marcas no rosto?

AMON

Com toda essa delícia que você é nem se nota as marcas Giane.

GIANE

Você volta pra mim?

AMON

Volto, você sabe que sou louco por você.

Giane e Amon se beijam.

Cena 4/Int./Lanchonete/Noite.

Danilo e Rayssa entram correndo, estão molhados.

RAYSSA

Que chuva!

DANILO

Ainda bem que chegamos.

RAYSSA

Era para eu estar no meu quarto, mas você disse que tinha uma coisa importante para me dizer, mas que queria que fosse em um lugar especial, o que essa lanchonete tem de especial?

DANILO

Você não se lembra? Foi aqui que viemos pela primeira vez como namorados.

Rayssa sorri.

RAYSSA

Dessa eu não lembrava.

DANILO

Mas eu sim e por isso o que quero te falar tem que ser aqui.

RAYSSA

Então fala de uma vez meu amor.

DANILO

Eu sei que esses dias não estão sendo fáceis para você, e pode parecer um pouco estranho o que vou te falar nesse momento.

RAYSSA

Danilo… Para de enrolar e vá direto ao assunto.

DANILO

Tudo bem… Rayssa eu te amo muito, você é a mulher da minha vida.

RAYSSA

Eu também te amo Danilo.

Danilo pega um anel do bolso, segura a mão de Rayssa.

DANILO

Rayssa você quer se casar comigo?

Rayssa sorri.

DANILO

(atrapalhado) Não precisa responder agora, você pode pensar o tempo que quiser, eu só precisava muito te pedir em casamento e…

Rayssa coloca a mão nos lábios de Danilo, balança a cabeça positivamente, sorri.

RAYSSA

Sim eu quero me casar com você Danilo, relaxa agora.

Danilo fica feliz.

DANILO

Não dá agora fiquei mais nervoso ainda.

Rayssa dá risada, beija Danilo.

RAYSSA

Obrigada por me fazer esse bem todo, sem você Danilo eu estaria perdida, eu te amo.

Danilo e Rayssa se beijam.

Cena 5/Int./Mansão Gouveia/Corredor dos Quartos/Noite.

Sofia sai do quarto de hóspedes, Augusto vem pelo corredor.

AUGUSTO

Algum problema?

SOFIA

Não… Só vou tomar um pouco de água.

AUGUSTO

Tudo bem, boa noite Sofia.

Augusto sorri, Sofia desce as escadas, Augusto está perto de seu quarto, para no corredor, fica pensativo, sorri, entra em um dos quartos de hóspede, encosta a porta, mas deixa uma fresta por onde ele observa o corredor, minutos depois Sofia vem caminhando pelo corredor, Augusto a agarra, tampa a boca dela com a mão, a coloca para dentro do quarto e fecha a porta.

Cena 6/Int./Apartamento de Amon/Sala/Noite.

Giane e Amon estão deitados no sofá se beijando, Giane sorri.

GIANE

Levanta Amon, tenho uma surpresa para você.

Giane se levanta, se aproxima da mesa onde está sua bolsa, Amon se levanta observa, Giane tira da bolsa um par de algemas, Amon sorri estende os braços para Giane o prender, Giane se aproxima de Amon, pega os braços dele, vira para as costas e o prende com as algemas, Giane fala no ouvido de Amon.

GIANE

Agora Amon você vai ter o que merece.

Giane empurra Amon no sofá, ele sorri, Giane caminha até onde está sua bolsa.

AMON

O que mais você quem ai hein delicia?

Giane pega um revolver, aponta para Amon que fica sério, Giane sorri.

GIANE

Chegou a hora de você pagar tudo o que me fez Amon.

Giane dá risada, Amon tenta se soltar desesperadamente. 

Cena 7/Int./Mansão Gouveia/Quarto de Hóspedes/Noite.

Sofia está desesperada tentando se soltar de Augusto que está a segurando e tampando sua boca com a mão.

AUGUSTO

Fica quieta! Eu te pedi tantas vezes Sofia, mas você nunca quis ficar comigo por bem, agora vai ficar contra a sua vontade!

Sofia chora, tenta se soltar, Augusto a segura forte.

AUGUSTO

Se você não ficar quieta coisas ruins podem acontecer com você! Entendeu? Eu vou te soltar, mas se você gritar ou tentar qualquer coisa eu acabo com a sua vida!

Augusto joga Sofia no chão, Sofia está apavorada, chorando.

SOFIA

Por favor, me deixa sair daqui.

Augusto sorri tirando a camisa.

AUGUSTO

Você só vai sair daqui quando eu terminar de fazer o que quero Sofia.

Sofia chora.

Cena 8/Ext./Prédio onde Amon mora/Portaria.

Cai uma forte tempestade, Ricardo entra na portaria com o casaco levantando tentando se proteger da chuva.

RICARDO

Boa noite, eu vou para o apartamento do Amon.

PORTEIRO

Ele chegou agora pouco, vou avisar que o senhor está aqui, qual seu nome?

RICARDO

Ricardo.

O porteiro liga para o apartamento de Amon, avisa que Ricardo está lá.

PORTEIRO

Pode subir.

RICARDO

Obrigado.

Ricardo entra no prédio.

Cena 9/Int./Apartamento de Amon/Sala/Noite.

Giane apontando a arma para Amon nervoso.

AMON

Giane você ficou louca! Para com isso?

GIANE

Não fiquei louca Amon, eu sempre fui e você foi se meter comigo, achou que me entregaria para o Ricardo e tudo ficaria bem? Está enganado!

Giane dá um tapa no rosto de Amon, a campainha toca, Giane sorri.

GIANE

Sua hora está chegando Amon.

Giane abre a porta, Ricardo a olha surpreso.

GIANE

Bem vindo Ricardo.

RICARDO

O que você está fazendo aqui?

AMON

Ricardo me ajuda essa louca me prendeu e quer me matar!

Ricardo se aproxima de Amon o vê algemado.

RICARDO

Você passou dos limites Giane, solta o Amon.

GIANE

Não até que ele esteja morto!

RICARDO

Giane olha bem o que você vai fazer.

Giane se aproxima de Ricardo, coloca a arma na mão dele sem tirar a mão dela da arma, aponta para Amon.

GIANE

Você vai matar o Amon.

RICARDO

Eu não vou fazer isso!

GIANE

Vai sim, quer motivos? Toda vez que eu estava com ele na cama a gente ria de você, de como você era um corno conformado…

AMON

Para com isso Giane!

Ricardo se afasta de Giane, a olha com raiva.

RICARDO

Eu não vou matar ninguém! E você também não.

GIANE

Escolhe Ricardo,se você não matar o Amon eu mato a Paula, a decisão é sua.

Amon desesperado.

AMON

Não cai na dela Ricardo, por favor, não me mata!

GIANE

Não implora Amon, aceita sua morte como um homem, da mesma forma que foi homem quando me entregou para o Ricardo!

RICARDO

Já chega Giane! Para com isso, ninguém aqui vai atar o Amon.

Giane coloca a arma na mão de Ricardo novamente, encosta o cano do revólver no peito de Amon e grita.

GIANE

Atira!

AMON

(chorando) Não faz isso…

RICARDO

Giane me solta eu não vou matar ninguém!

Giane aperta o gatilho segurando a mão de Ricardo, Amon leva um tiro fatal no peito, Ricardo fica desesperado solta a arma, Giane observa Amon deitado morto no sofá, começa a dar risada.

GIANE

Um já foi… Agora só falta você Ricardo.

Ricardo está nervoso.

RICARDO

Vai me matar também?

GIANE

Não… Para você tem outra coisa…

Giane começa a gritar desesperada.

GIANE

Socorro! Alguém ajuda! Amon fala comigo meu amor! Por que você fez isso Ricardo!

Ricardo fica desnorteado, Giane o encara sorri.

GIANE

Você matou Amon por ciúmes Ricardo, você vai ser preso.

Fim do Capítulo

COMPARTILHAR

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on tumblr

POSTADO POR

Débora Costa

Débora Costa

Estreia dia 19 de Outubro

Estreia dia 20 de Outubro

>