Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on telegram

Insensatez – Capítulo 36

Insensatez

Novela de Débora Costa

Escrita Por

Débora Costa

Colaboração

Tainá Andaluz

Direção

Wellyngton Vianna

Núcleo

Cyber TV

Personagens desse capítulo

AUGUSTO

DANILO

DIMITRI

FELIPE

FERNANDA

GIANE

MARCOS

RAYSSA

RICARDO

SÉRGIO

SOFIA


Cena 1/Int./Hotel/Suíte de Giane/Dia.

Giane está deitada sobre de Augusto o beijando, estão cobertos com um lençol.

AUGUSTO

Você não sabe o quanto eu te desejei Giane.

GIANE

(sorri) Se me falasse que não era meu pai já teríamos ficados juntos.

AUGUSTO

Quando você foi crescendo e se tornando essa mulher linda, capaz de qualquer coisa quando quer alguma coisa, esse seu jeito me deixava louco.

Giane sorri se deita ao lado de Augusto.

GIANE

Costumo causar isso nos homens.

Augusto se deita sobre Giane.

AUGUSTO

Sabe o que eu quero… Ir para bem longe daqui, largar tudo e recomeçar, estou farto de todo mundo.

GIANE

Até da Fernanda?

AUGUSTO

Não… Nem dela e nem da Rayssa, elas são minhas filhas e as amo muito.

Giane dá risada.

GIANE

Amor não serve para nada Augusto…

AUGUSTO

Giane você matou o Amon, a qualquer momento a policia pode descobrir que não foi o Ricardo e sim você, já pensou nisso?

GIANE

Não…

AUGUSTO

Faz tempo que estou pensando em deixar o Brasil, mas com todo o dinheiro da Osiria e com tudo que tenho nos bancos e você é a pessoa ideal para vir comigo, o que você acha Giane? Vamos morar em outro país?

Giane pensativa.

GIANE

Não sei Augusto, eu ainda preciso resolver uma coisa.

AUGUSTO

Você vai esperar a policia te pegar? Quer passar a vida na cadeia?

GIANE

Isso não.

AUGUSTO

Então pensa bem… Vamos embora antes que seja tarde.

GIANE

O que você aprontou Augusto? Por que essa vontade de fugir?

Augusto se deita ao lado de Giane, fica sério.

AUGUSTO

Eu desviei dinheiro da Osiria para minha conta, muito dinheiro… Quando Oscar apareceu me deu medo de perder tudo, então resolvi pegar o que é meu de direito e quero sumir antes que descubram.

Giane dá risada, beija Augusto.

GIANE

Eu vou pensar na sua proposta, quem sabe ficar longe de tudo é o que preciso.

AUGUSTO

Não demora porque não vou esperar muito tempo, eu iria levar a Marta comigo, mas você é melhor.

GIANE

Vai deixar ela ficar com o Oscar?

Augusto sorri.

AUGUSTO

Não… Dessa vez eu vou me encarregar de matar o seu papai pessoalmente, não vai ter erro.

Giane e Augusto se beijam.

Cena 2/Int./Shopping/Restaurante/Dia.

Fernanda e Marcos estão almoçando, Fernanda está pensativa.

MARCOS

Está tudo bem Fernanda?

FERNANDA

Sim… Eu acabei de lembrar de uma coisa que pode ajudar o Ricardo!

MARCOS

O que?

FERNANDA

Promete não ficar bravo?

MARCOS

Não sei o que é, não posso prometer.

FERNANDA

Tudo bem, o Amon tinha câmeras espalhadas pelo apartamento por que ele… Gostava de ver depois quando levava alguma mulher lá, ele filmava as relações sexuais que tinha.

MARCOS

Como você sabe disso?

FERNANDA

Não importa… Importa que isso pode salvar o Ricardo!

MARCOS

Agora eu fiquei curioso, você não disse que ficou com o Amon uma vez só e na sua casa, que história é essa?

FERNANDA

Eu fiquei com o Amon uma vez estando com você, antes de você teve algumas vezes e eu sei porque ele quis assistir comigo.

MARCOS

Safado…

FERNANDA

Eu vou falar para a polícia sobre as câmeras… Mesmo que isso condene Giane…

Fernanda fica triste.

Cena 3/Int./Hotel/Restaurante/Dia.

Dimitri e Sofia estão almoçando, Sofia está pensativa.

DIMITRI

Você é sempre tão quieta assim ma fleur?

SOFIA

Desculpa Dimitri.

DIMITRI

(sorri) Esse seu jeito delicado, sua timidez, o modo como você fica sem jeito quando te dou alguma coisa… Você é uma mulher especial Sofia.

SOFIA

(sorri um pouco) Obrigada, eu realmente estou desconfortável porque você está em ajudando em muitas coisas e não sei como retribuir.

Dimitri segura e beija a mão de Sofia, a olha sorri.

DIMITRI

Só de você estar ao meu lado basta Sofia.

Sofia olha Dimitri gostando, fica sem graça.

SOFIA

Hoje eu vou voltar para a fazenda.

DIMITRI

Espera mais alguns dias, eu deixo você na minha suíte e eu alugo outra, não posso deixar você ir com esse olhar triste, o que aconteceu foi ruim, mas já passou, Augusto não vai te fazer mal, não comigo por perto ma fleur.

SOFIA

(sorri) Como se diz obrigada em francês?

DIMITRI

Merci.

SOFIA

Eu não esperava que fosse ter ajuda e muito menos de um homem como você, merci.

Dimitri sorri, beija a mão de Sofia.

Cena 4/Ext./Mansão Gouveia/Jardim/Dia.

Rayssa está sentada mexendo no celular, Danilo se aproxima.

DANILO

Oi meu amor.

RAYSSA

Oi! E ai como foi a entrevista de emprego?

Danilo se senta ao lado de Rayssa.

DANILO

Foi bem e não foi.

RAYSSA

Como assim?

DANILO

Eles gostaram do meu trabalho, eu fui escolhido para fotografar paisagens em uns 4 países, mas disse não.

RAYSSA

Por que você fez isso? Não era o que você queria?

DANILO

Era, mas não quero ficar longe de você Rayssa, então disse não e vou continuar trabalhando na Osiria.

RAYSSA

Eu não acredito que você abriu mão de fazer o trabalho que mais queria por minha causa.

DANILO

Não tem problema meu amor.

RAYSSA

É claro que tem! E por que você não me perguntou se eu iria com você fazer as fotos.

DANILO

Você iria comigo?

RAYSSA

Claro que sim Danilo, eu iria adorar viajar com você.

Danilo fica feliz, pega o celular da mão de Rayssa.

DANILO

Eles disseram que eu poderia ligar caso mudasse de ideia, você tem certeza que quer ir comigo?

RAYSSA

(sorri) Tenho Danilo, liga logo!

Danilo e Rayssa se beijam.

Cena 5/Int./Mais Tarde – Delegacia/Sala do delegado/Noite.

Ricardo, o delegado e dois policiais estão sentados.

DELEGADO

Graças a informação que recebemos encontramos as câmeras que estavam no apartamento da vítima, trouxeram agora pouco a gravação, agora vamos saber se você é realmente inocente ou culpado.

O delegado coloca a gravação feita no apartamento de Amon, eles vêem Giane entrando no apartamento e decorando tudo, Amon chega, Giane e Amon conversam, se beijam, Giane prende Amon com algemas e o empurra no sofá, pega uma arma da bolsa.

RICARDO

Viu! Eu disse que foi essa louca que matou o Amon!

DELEGADO

Calma rapaz o fato dela ter pego a arma não significa que ela o matou, vamos ver.

O vídeo mostra Ricardo chegando, Giane colocando a arma na mão dele, Amon desesperado, Giane segura a mão de Ricardo e atira em Amon.

RICARDO

E isso? É o suficiente?

Delegado pensativo olha um dos policiais.

DELEGADO

Vai atrás de Giane Gouveia.

RICARDO

O senhor viu que eu não fiz nada, a Giane queria que eu atirasse em Amon, mas não fiz!

DELEGADO

Eu vi Ricardo, você está livre de qualquer acusação, pode ir embora.

Ricardo fica feliz, emocionado.

Cena 7/Ext./Rua/Noite

Sérgio vem caminhando, pensativo, vê Sofia, se aproxima, sorri.

SÉRGIO

Oi Sofia, tudo bem?

SOFIA

Oi, bem e você?

SÉRGIO

Me sentindo mal cada vez que penso em tudo que fiz com a Rayssa, como ela está?

SOFIA

Eu não estou na casa dela, mas quando eu sai ela estava bem, ela está feliz com o Danilo.

Sérgio fica chateado.

SÉRGIO

Ela merece ser feliz.

Giane se aproxima em seu carro, vê Sérgio conversando com Sofia, observa os dois, Sofia segura a mão de Sérgio, Giane fica com raiva.

SOFIA

Sérgio não fica assim, se você está arrependido de tudo é um bom começo.

SÉRGIO

A Rayssa nunca vai me perdoar, eu estava cedo de paixão pela Giane, não percebi as coisas que ela era capaz de fazer.

SOFIA

A Rayssa não é de guardar rancor Sérgio, logo ela te perdoa você vai ver, agora eu preciso ir, Dimitri está me esperado em um restaurante aqui perto.

SÉRGIO

Dimitri Blanc?

SOFIA

É, ele está me ajudando.

SÉRGIO

Não vou mais te atrapalhar em tão, foi bom te ver.

Sofia abraça Sérgio.

SOFIA

Tudo vai ficar bem, até logo.

Sofia sai, Sérgio pensativo sai, Giane está com raiva observando de dentro do carro.

GIANE

Então é por causa dessa caipira que você não quer voltar comigo! Mas isso não vai ficar assim Sérgio! Você me paga!

Cena 8/Int./Apartamento de Marcos/Sala/Noite.

Fernanda e Marcos estão sentados no sofá, abraçados.

FERNANDA

Você quer ir jantar na minha casa?

MARCOS

Eu quero, seria tão bom se a gente fosse casado, ao invés de escolher uma casa para jantar, nós jantaríamos na nossa casa.

FERNANDA

(sorri) Verdade.

Fernanda olha Marcos.

FERNANDA

Eu quero me casar com você Marcos.

MARCOS

O que você tem que resolver primeiro?

FERNANDA

Nada, dessa vez é pra valer meu amor, já demorei demais para marcar uma data, amanhã podemos escolher juntos um dia para nosso casamento e quanto mais breve melhor.

Marcos beija Fernanda.

MARCOS

Nem vou esperar amanhã, vamos escolher essa data agora, só não vou marcar hoje porque o cartório está fechado essa hora.

Fernanda dá risada.

FERNANDA

Deixa de ser exagerado Marcos.

MARCOS

Você sabe muito bem quantos anos esperei para marcar essa data, então vou pegar um calendário e já volto.

FERNANDA

Tudo bem, sabe que até já sei quem vai ser a minha madrinha de casamento.

MARCOS

Quem?

FERNANDA

(sorri) A Carla.

MARCOS

Por que ela?

FERNANDA

Porque ela está há muitos anos ao meu lado, a Carla atura minhas explosões, me ouve quando preciso, ela é uma ótima amiga.

MARCOS

(sorri) Gostei tenho certeza que ela vai ficar muito feliz com o convite.

FERNANDA

O padrinho pode causar confusão, mas é o que quero.

MARCOS

Se for quem eu estou pensando chamar de confusão é bobagem… Oscar?

FERNANDA

Sim, acho justo que ele esteja ao meu lado no dia mais importante de nossas vidas.

MARCOS

Seu pai vai surtar quando souber.

FERNANDA

Ele tem que comportar como adulto e não como uma criança mimada, já decidi e pronto.

Marcos sorri, beija Fernanda.

MARCOS

Eu te amo.

Cena 9/Int./Apartamento de Sérgio/Sala/Noite.

Sérgio está guardando suas coisas em caixas, Giane entra, Sérgio fica sério.

SÉRGIO

O que você está fazendo aqui? 

GIANE

Eu preciso falar com você.

SÉRGIO

Giane eu estou guardando as minhas coisas e disse que vou deixar as chaves na portaria, você não precisava ter vindo aqui.

Giane beija Sérgio que a empurra.

SÉRGIO

Para com isso! Entende de uma vez por todas que eu não quero mais nada com você!

Giane chora.

GIANE

Você não me quer porque está com outra!

SÉRGIO

Eu não estou com ninguém! Eu não te quero porque você mesquinha! Cruel! Tenho nojo de você!

Giane chorando coloca a mão na cabeça.

GIANE

Não fala assim meu amor.

SÉRGIO

Você não sabe o que é amor Giane, se soubesse não faria tantas coisas ruins, agora sai daqui porque não suporto ficar perto de você!

Giane olha em volta vê uma faca em cima da mesa, fica com o olhar distante.

GIANE

Se você não for meu, não vai ser de mais ninguém Sérgio…

SÉRGIO

Vai embora!

Giane pega a faca, Sérgio e Giane se encaram, Giane chora.

GIANE

Fica comigo Sérgio…

SÉRGIO

Eu não vou ficar com você!

Giane vai para cima de Sérgio que se defende, Giane tenta acertar Sérgio com a faca, Sérgio cai em cima de uma das caixas, Giane enfia a faca no meio da barriga de Sérgio que olha Giane sem acreditar, Giane tem uma crise de choro.

GIANE

Você é só meu Sérgio… 

Giane puxa a faca da barriga de Sérgio, sai muito sangue, Sérgio está fraco, coloca a mão na barriga.

SÉRGIO

Nem com você e nem com ninguém… Livre Giane… Estou livre de tudo…

Sérgio fecha os olhos, a mão que estava em cima da barriga cai aos poucos, Giane fica desesperada ao perceber que Sérgio está morto, grita, se joga em cima dele.

GIANE

Eu te amo Sérgio.

Giane ouve sirene de polícia, se levanta apressada, olha pela janela, vê viaturas parando em frente ao prédio, fica preocupada, olha o corpo de Sérgio, pensativa, sai do apartamento, entra no elevador de serviço.

Cena 10/Ext./Rua./Noite.

Giane sai pelo estacionamento do prédio, corre sem ser vista pelos policiais.

Cena 11/Int./Apartamento de Felipe/Sala/Noite.

A campainha toca sem parar, Felipe abre a porta, Giane entra depressa, Felipe se assusta ao ver a roupa de Giane com sangue.

FELIPE

O que aconteceu?

GIANE

(Chora) Eu matei o Sérgio, ele não quis voltar comigo e eu o matei!… Me deixa ficar aqui essa noite, por favor.

FELIPE

Eu deixo, fica calma, é melhor você ir tomar um banho e jogar essa roupa fora.

GIANE

Eu quero fazer uma ligação depois eu vou.

FELIPE

Vou pegar um calmante para você.

Felipe sai, Giane pega o telefone, liga para Augusto.

GIANE

Augusto temos que fugir amanhã! Não dá para ficar aqui depois do que acabei de fazer.

Fim do Capítulo

COMPARTILHAR

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on tumblr

POSTADO POR

Débora Costa

Débora Costa

Estreia dia 19 de Outubro

Estreia dia 20 de Outubro

>