Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on telegram

Insensatez – Capítulo 38

Insensatez

Novela de Débora Costa

Escrita Por

Débora Costa

Colaboração

Tainá Andaluz

Direção

Wellyngton Vianna

Núcleo

Cyber TV

Personagens desse capítulo

AUGUSTO

DANILO

DIMITRI

FELIPE

FERNANDA

GIANE

MARCOS

MARTA

OSCAR

PAULA

RAYSSA

RICARDO

ROBERTO

SOFIA

VÂNIA


Cena 1/Int./Mansão Gouveia/Sala/Dia.

Fernanda, Marcos, Rayssa, Danilo, Oscar e Marta estão sentados, Marta inconformada, triste.

MARTA

Como Augusto é capaz de ter um caso com a Giane… Ele a criou como filha.

FERNANDA

Isso está acabando comigo mamãe, imaginar os dois juntos como amantes é asqueroso demais.

OSCAR

Vindo do Augusto isso não me espanta.

RAYSSA

E nem da Giane, esse caso com o papai é a cara dela.

MARTA

Meu coração está muito apertado! Estou preocupada com a Giane.

RAYSSA

Não fique mamãe, ela sabe se cuidar muito bem e se alguém atravessar o caminho dela não se preocupe, ela mata e passa por cima.

FERNANDA

Rayssa…

RAYSSA

Desculpa mamãe…

Marta chora, Oscar a abraça a consolando. 

Cena 2/Ext./Rua/Dia.

Giane está tentando fugir da perseguição da polícia, está em alta velocidade, passa em faróis vermelhos, a todo momento ela olha no espelho retrovisor, Augusto se segura.

AUGUSTO

Giane não está dando certo! A polícia ainda está atrás de nós! Entra em algum lugar, nós descemos e pegamos outro carro!

Giane está nervosa, altera a voz.

GIANE

Que carro? Não estou encontrando um jeito de despistar a polícia!

Giane faz uma curva arriscada com o carro, chora de desespero, a polícia continua a perseguição, Augusto percebe o estado em que Giane está.

AUGUSTO

Não fica assim Giane, fica calma! Faz o que eu falei entra em algum shopping!

Giane chora, faz que não com a cabeça.

GIANE

Eu não vou passar a vida presa pelas coisas que fiz e não me arrependo!… Não vou…

AUGUSTO

Giane não faz nenhuma besteira!

Giane chora e dá risada.

GIANE

Sérgio disse antes de morrer que estava livre… Agora sei o que ele quis dizer, acabou Augusto.

Augusto segura o volante, Giane acelera, atravessa a pista, Augusto fica desesperado, Giane joga o carro em um barranco, o carro capota várias vezes e explode. 

Cena 3/Ext./Rua/Dia,

A polícia cerca o prédio onde Felipe mora, Felipe sai do prédio vestindo roupa para fazer caminhada, óculos de sol e peruca, ele passa calmamente pelos policiais quem entram no prédio, Felipe observa, sorri.

FELIPE

Vocês acharam mesmo que eu ficaria no meu apartamento dando sopa?

Felipe dá risada e caminha calmamente. 

Cena 4/Ext./Rua/Dia.

No local do acidente de Giane e Augusto há muita movimentação de imprensa e de curiosos, os socorristas colocam Augusto em uma maca, um policial se aproxima.

POLICIAL

Qual é a situação dele?

SOCORRISTA

Muito grave, não tem chances de sobreviver.

POLICIAL

E a moça que estava no carro?

SOCORRISTA

Está pior que ele, capaz de chegar morta no hospital.

POLICIAL

Fica de olho nos dois, qualquer notícia você me avisa.

O socorrista coloca Augusto na ambulância. 

Cena 5/Int./Apartamento de Paula/Sala/Dia.

Ricardo está vendo TV, ao vivo entra uma reportagem sobre o acidente de Giane e Augusto.

JORNALISTA

As informações que tenho é de que a polícia estava perseguindo o empresário Augusto Gouveia e a filha dele Giane Gouveia, quando o carro atravessou a pista e bateu bem ali, naquele muro, o estado de saúde das duas pessoas é extremamente grave e correm risco de morte.

Ricardo fica parado olhando a TV, Paula se aproxima.

PAULA

O que foi Ricardo?

RICARDO

Acabou de passar aqui, a Giane e o Augusto estavam sendo perseguidos pela polícia e sofreram um acidente… Estão em estado grave, correndo risco de morte.

Paula fica pensativa, não dando muita importância. 

Cena 6/Int./Hotel/Suíte de Dimitri/Dia.

Dimitri e Sofia entram dando risada, felizes.

SOFIA

Dimitri adoro esse seu bom humor.

DIMITRI

É você que me deixa assim Sofia… Eu tenho uma surpresa para você, na verdade é um convite.

SOFIA

O que é?

Dimitri pega duas passagens de avião do bolso.

DIMITRI

Eu comprei essas passagens para voltar para minha casa em Paris, retomar as coisas que deixei por lá, mas não quero voltar sozinho, quero que você vá comigo ma fleur.

Sofia pensativa.

SOFIA

Eu em Paris? Eu mal entendo o que você fala Dimitri, vou ficar perdida por lá.

DIMITRI

(sorri) Isso não é problema você terá um excelente professor, eu e em Paris você se encontra rapidamente, você adorar estar la, tendo uma vida de rainha, sabe por que?

SOFIA

Não faço ideia.

DIMITRI

Porque você vai estar comigo, Dimitri Blanc chegará á Paris acompanhado por sua namorada.

SOFIA

(sorri) Namorada?

DIMITRI

(sorri) Sim Sofia, você aceita ir para Paris comigo?

SOFIA

(pensativa) Sim, eu vou com você mon amour.

Dimitri dá risada, beija Sofia.

DIMITRI

Estou muito feliz Sofia, como nunca achei que estaria obrigado por aceitar.

SOFIA

Eu que devo agradecer por todas as coisas que você fez por mim.

DIMITRI

Vamos parar com esses agradecimentos, agora quero ouvir você falando francês de novo porque eu adorei ma fleur, te amo…

Dimitri beija Sofia.

Cena 7/Int./Mais Tarde – Hospital/Sala de Espera/ Dia.

Marta e Oscar estão aflitos, nervosos.

MARTA

Oscar eu preciso ver a minha filha!

OSCAR

Marta a Giane está desacordada, estão fazendo de tudo para reanimar ela, fica calma meu amor.

Um médico se aproxima.

MARTA

E então doutor? Como está a Giane?

MÉDICO

Eu sinto muito… Nós fizemos de tudo, mas ela não resistiu aos ferimentos e faleceu…

Marta leva um susto, fica desesperada, tem uma crise de choro, se ajoelha, Oscar está triste, se abaixa abraça Marta,

MARTA

Giane não merecia esse fim! Eu quero a minha filha Oscar!

Rayssa e Fernanda se aproximam, ficam preocupadas ao ver Marta e Oscar ajoelhados no chão, Rayssa olha o médico.

RAYSSA

A Giane… Morreu?

MÉDICO

Sim.

Fernanda chora, Rayssa fica triste.

FERNANDA

E o meu pai? 

MÉDICO

O estado dele é muito grave.

FERNANDA

Eu posso ver ele?

MÉDICO

Ele está com ferimentos graves, estou avisando para te preparar.

FERNANDA

Tudo bem…

Rayssa ajuda Marta se levantar a abraça, Fernanda vai saindo com o médico.

RAYSSA

Eu vou com você Fernanda.

Rayssa e Fernanda acompanham o médico, Marta se senta chora inconsolável, Oscar abraça.

Cena 8/Int./Hospital/U.T.I/Dia.

Augusto está ligado á vários aparelhos, ele geme de dor, está com partes do corpo queimado, Fernanda e Rayssa entram usando uma roupa especial, com máscara, se aproximam de Augusto, elas choram, Augusto abre os olhos, Fernanda segura a mão de Augusto.

FERNANDA

Papai…

Augusto muito fraco.

AUGUSTO

Tirem essa porcaria do rosto… Quero ver vocês…

Fernanda e Rayssa tiram as máscaras.

AUGUSTO

Eu fiz muitas coisas erradas… 

Augusto fecha os olhos por sentir dor.

AUGUSTO

Não sou hipócrita… Não me arrependo… Mas eu quero que vocês minhas filhas saibam… Eu amo vocês.

RAYSSA

Nós sabemos papai, e apesar de tudo eu também te amo.

FERNANDA

(chora) Você é o pai que sempre admirei e amei.

Augusto derramas algumas lágrimas, começa a se sentir mal, Rayssa e Fernanda ficam preocupadas. 

RAYSSA

Eu vou chamar o médico!

Rayssa apressada sai, Fernanda beija a testa de Augusto.

FERNANDA

Tudo vai ficar bem papai… Te amo.

AUGUSTO

Escolhi o lado ruim das coisas Fernanda… Foram minhas escolhas…

Cena 9/Int./Hospital/Lanchonete/Dia.

Marcos está sentado, chorando, Roberto se aproxima.

ROBERTO

Marcos…

Marcos enxuga as lágrimas.

MARCOS

O que você quer?

ROBERTO

Não vim aqui brigar e nem procurar a Fernanda, eu vim comer um lanche e te vi ai chorando… Imagino que seja por causa da Giane.

MARCOS

Não é por outra coisa Roberto…

ROBERTO

Entendo, desculpa te incomodar.

Roberto vai saindo, Marcos o segura pelo braço, chora.

MARCOS

Eu preciso contar para alguém ou vou explodir! O que vou te falar agora você não pode contar para ninguém.

ROBERTO

Não vou contar Marcos.

MARCOS

Sabe por que estou assim? Porque o meu pai está morrendo e eu não posso contar que eu sou filho dele!

Roberto pensativo.

ROBERTO

Seu pai…

MARCOS

É, Augusto Gouveia é meu pai!

Roberto se senta chocado, preocupado.

ROBERTO

Então você e a Fernanda são irmãos?

MARCOS

Não fica feliz não porque a Fernanda não é filha do Augusto, ela é filha do Oscar… 

ROBERTO

Marcos aproveita agora e conta para Augusto, pelo que eu sei de hoje ele não passa.

MARCOS

Eu prometi para minha mãe que não contaria… Eu estou muito mal por causa disso…

ROBERTO

De verdade eu sinto muito, queria poder te ajudar.

MARCOS

Obrigado… Mas só a minha mãe pode fazer isso e ela não vai fazer.

Cena 10/Int./Mais Tarde – Hospital/U.T.I/Noite.

Augusto está dormindo, Vânia entra na U.TI, se aproxima da cama de Augusto, se debruça um pouco sobre ele, sorri.

VÂNIA

Acorda seu desgraçado, acorda porque quero falar com você.

Augusto abre os olhos, Vânia o encara sorrindo.

AUGUSTO

Sai daqui…

VÂNIA

Poupe as poucas energias que você tem Augusto, preciso te contar uma coisa.

AUGUSTO

O que?

VÂNIA

Eu poderia fazer um pouco de mistério, fazer você lembrar de quando me abandonou para ficar com a Marta, mas para que perder tempo, você pode morrer no próximo minuto não é, então vou direto ao assunto… Meu filho Marcos é seu filho também.

Augusto olha Vânia, surpreso.

AUGUSTO

Mentira…

VÂNIA

É verdade, descobri que estava grávida dias depois de você me deixar para ficar com a Marta, não te procurei porque não queria nada seu, criei o meu filho sozinha, e por ironia do destino ele foi se apaixonar pela Fernanda, o mundo é pequeno mesmo.

AUGUSTO

Desgraçada… Está me contando agora por quê?

VÂNIA

Porque Marcos não merecia ter um pai como você e nem você merecia um presente desses, o filho homem que você tanto queria estava perto de você o tempo todo.

Augusto se altera, chora de raiva.

AUGUSTO

Maldita, odeio você! 

Augusto começa a passar mal, sentir falta de ar, Vânia observa calmamente. 

VÂNIA

Isso Augusto, vai para o inferno que é o seu lugar, você já sentiu um pouco do que é ser queimado, agora vai queimar eternamente!

Augusto puxa o ar para respirar não consegue, senti dores fortes, começa a perder as forças, Vânia vê o momento em que Augusto morre, ela sorri vitoriosa e sai da U.T.I.

Fim do Capítulo

POSTADO POR

Débora Costa

Débora Costa

COMPARTILHAR

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on tumblr
>
Rolar para o topo