Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on telegram

Mark Tions – Capítulo 08

(Dentro do carro, noite)

Mark: Então, o que achou?

Betina: Achei magnífico, não fazia ideia que tinha tantas coisas que eu fazia que não é ético, etiqueta vem de ético, não é?

Mark: (risos) Olha eu não sei, o que eu sei que você foi muito bem, parabéns.

Betina: Obrigada, você é um cara bem legal. Quando te vi a primeira vez na loja eu achei que seríamos inimigos eternos, sabe? Mas hoje, eu vejo que você é um cara gente boa.

(Mark inclina-se em direção aos lábios de Betina, o beijo é eminente, ambos sentem a intensidade do momento, Betina se deixa ser beijada e também corresponde ao beijo. A cada momento que o beijo dura torna-se mais intenso)

(Betina recua, Mark também)

Mark: Me desculpa, e… eu não fiz por mal, eu só…

Betina: Tudo bem, eu também te beijei. Desculpa.

Mark: Então se eu te beijei e você me beijou, e aí nós nos beijamos… Então não tem porque se desculpar, certo?

Betina: Não força, tá?

 

(Mansão do Mark, noite)

Luana: Thor, eu sei que isso é muito complicado de lidar, o pior que eu nem consigo imaginar o que é isso, já que eu sou hétero. Só que você sabe que uma pessoa é ele não você, não é?

Thor: Eu sei disso Luana, mas é que dói muito saber que uma pessoa tem vergonha ou nojo de você por uma coisa tão… Normal, ou pelo menos deveria ser.

Luana: Eu entendo, deve doer muito se sentir assim.

Thor: Infelizmente, essa é a realidade.

 

(Na segunda-feira, empresa Mark Tions, sala do Mark, manhã)

(Mark analisava alguns papéis, quando Ágata entrou na sua sala)

Ágata: Bom dia, as 12 modelos estarão aqui hoje à tarde para conhecer melhor a empresa.

Mark: Ótimo, que milagre aparecer por aqui, não tinha vindo mais trabalhar

Ágata: Ainda estou me recuperando do fim do meu relacionamento, dona Florinda.

Mark: (risos) Que pena que você tem que falar com seu ex.

Ágata: Mark, você não vale nada. (A gata sair da sala e Mark fica rindo)

 

(Empresa Mark Tions, recepção, manhã)

Ágata: E aí, duas lesmas, você já chamaram todas as 12 meninas para visitar a empresa à tarde?

Luana: Já, mas deixando claro que eu não respondo você respondo ao Mark.

Ágata: Hahaha agora, os empregados estão cheio de razão por quê o meu noivado acabou, mas vocês já pensaram que a qualquer momento Ágata Medeiros pode estar de volta?

Thor: Coitada, mas respondendo a sua pergunta, entramos em contato com 11 das 12 garotas.

Ágata: Mas o que aconteceu com a outra.

Luana: O Mark deu ordens claras que da outra ele cuida.

Thor: É, essa foi a que ele mesmo escolheu pessoalmente, a tal Betina, ainda não a conheci pessoalmente, mas olha, o Mark não tira ela da cabeça.

Ágata: Vocês estão dizendo isso só para me provocar.

(Betina chega na recepção neste momento)

Betina: Bom dia, o Mark está?

Luana: Está sim, ele já está te esperando na sala dele, fica no quinto andar.

Betina: Ok, estou indo até lá.

(Ágata olhava boquiaberta para Betina)

Ágata: Quem é essa?

Thor: Essa é a Betina, a 12ª garota. Gostou do que viu, Ágata? (Risos)

Ágata: Isso é uma lambisgoia. (Expressão de deboche, Ágata sobe logo atrás de Betina)

Thor e Luana ficam rindo)

 

(Comunidade da Garça, casa dos Nogueira, manhã)

(Lucrécia estava na cozinha comendo sanduíche de mortadela escondida, quando foi surpreendida por seu João)

Seu João: OPA! Te peguei com a boca na botija, ou melhor, com a boca na mortadela.

Lucrécia: (de boca cheia) Ué, você já chegou? Pensei que tinha ido armar a barraca na feira junto com a Paloma.

Seu João: Sim, eu tinha ido, mas eu estranhei o fato de você não querer ir para feira hoje, então eu deixei a Paloma lá e e vim conferir e peguei você comendo. Amor, por favor, vamos parar com essa loucura, eu não te chamei de gorda, só tava brincando com você. (João abraça Lucrécia, mesmo ela apresentando pequena resistência) Você é linda maravilhosa, minha delícia, eu te amo.

Lucrécia: Tudo bem, todo mundo volta a comer, mas sem piadinhas sobre peso, combinado?

Seu João: Tudo bem.

(Alguém batia na porta)

Lucrécia: Deixa que eu atendo, faz um sanduíche aí para você.

(Seu João ficou na cozinha, enquanto Lucrécia foi abrir a porta)

Lucrécia: Você? O que você tá fazendo aqui?

Vanusa: Olá para você também, Lucrécia. Vocês precisavam mesmo morar no fim do mundo?

(João grita da cozinha)

Seu João: Quem é, Lucrécia?

(Vanusa “invade” a casa)

Vanusa: Sou eu, Joãozito.

(João fica boquiaberto ao ver Vanusa)

 

(Empresa Mark Tions, sala da Ágata, manhã)

(Ágata está sentada na sua cadeira, Tiago entra na sala)

Thiago: A senhora chamou?

Ágata: Sim, você viu a mulher que entrou na sala do Mark?

Thiago: Sim, é a Betina, minha vizinha. Ela vai trabalhar aqui?

Ágata: Espero que não, já que ela é sua vizinha sua missão vai ficar mais fácil, eu quero que você descubra tudo, absolutamente tudo sobre essa mulher.

Thiago: Mas senhora, eu sou motorista.

Ágata: Ah, então eu vou te demitir e contratar alguém da minha confiança para o cargo.

Thiago: Tá bom, eu já entendi, desculpa ponto final o que eu já sei sobre a Betina que o pai dela é alcoólatra e eles estão cheios de dívidas.

Ágata: Ótimo, já é alguma coisa para se saber. Se prepara lambisgoia.

 

(Sala do Mark, manhã)

Mark: Eu te chamei aqui apenas, primeiramente te pedir desculpa por ontem, segundamente para te levar um lugar.

Betina: Já disse que não precisa se desculpar, mas para onde você vai me levar hoje?

Mark: Eu vou te levar para conhecer a modelo internacional Joana Magali.

Betina: Nossa, essa mulher é bem famosa. Mas por que você vai me apresentar a ela?

Mark: As outras 11 garotas que vão disputar o concurso com você, ou melhor, contra você, são todas modelos profissionais. A Joana Magali vai te ensinar como desfilar, como lidar com público, como lidar com imprevistos…

Betina: Então, vamos! (Mark e Betina saem)

(Ágata olhava atentamente os dois saírem, ela tira o seu celular do bolso e manda um áudio para Thiago)

Ágata: Siga o carro do Mark ele tá saindo com lambisgoia.

 

(Casa dos Nogueira, manhã)

(Vanusa, Lucrécia e seu João estavam sentados à mesa da cozinha)

Vanusa: Faz muito tempo que eu não via você, Joãozito

Lucrécia: Olha aqui, primeiramente não chame o meu marido assim.

Seu João: Calma, Lucrécia é só um apelido de infância.

Lucrécia: Olha aqui João, se no passado eu perdoei o fato de você ter tido um caso com essazinha, isso não quer dizer que você tem o direito de receber ela em casa como se nada nunca tivesse acontecido entre vocês.

Vanusa: Calma, Lulu, eu e o Joãozito tivemos um breve caso, um breve romance, coisa passageira no passado, tudo isso já foi esclarecido na época, ou não?

Lucrécia: Na verdade, não. O coitado do seu falecido marido nunca soube desse caso seu com o meu marido.

Vanusa: É, e até hoje somos todos saudáveis, então não fez mal nenhum ele nunca saber.

Seu João: Pessoal, não vale a pena ficar remoendo o passado. (as duas dizem ao mesmo tempo)

Lucrécia: Cala a boca, João.

Vanusa: Cala a boca, João.

Lucrécia: Mas o que você veio fazer aqui?

Vanusa: Ué, não posso visitar velhos amigos?

Lucrécia: Quem te disse que alguém aqui é amigo seu?

Vanusa: Não esqueçam que o filho de vocês só está trabalhando porque a minha filha fez essa caridade.

Seu João: Vanusa, não precisa passar na cara.

Vanusa: Cala a boca, João. (as duas dizem ao mesmo tempo)

Lucrécia: Cala a boca, João.

Seu João: Era só o que me faltava.

 

(Agência da modelo Joana Magali, início da tarde)

(Betina recebeu conselhos e dicas de desfile de uma das maiores modelos do mundo)

Mark: E aí? O que está achando?

Betina: Incrível, a Joana é formidável.

Joana: Muito obrigada, menina, você tem futuro, além de linda aprende rápido, eu sinto que você vai ganhar esse concurso.

Mark: Joana, muito obrigado por me ajudar, agora eu e a Betina temos que ir voando lá para a empresa, as outras 11 garotas já estão lá para conhecer a empresa. Eu não quero que elas pensem que a Betina é uma privilegiada. Vamos lá?

Betina: Vamos!

 

(Betina e Mark chegam na empresa, as outras 11 garotas já estão à espera na recepção)

Thor: Finalmente, a décima segunda garota chegou, e por coincidência, senhoritas esse é o Mark Tions, o possível futuro patrão.

(Todas as garotas olham para Mark, que acena com simples movimentos de cabeça)

COMPARTILHAR

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on tumblr

POSTADO POR

Alexandre Salviano

Alexandre Salviano

>