Nostalgia – Desenho Tenchi Muyo

 

ANIME TENCHI MUYO

 

 

   A infinidade de animes que falam de amor é incrível, Love Hina, Negima!, Inuyasha, e muitos outros. E falar de amor com descontração é ainda melhor, não acha não? Falar de amor com várias meninas apaixonadas pelo mesmo cara nos animes é super normal, e dá uma pitada toda especial à história. E o anime de hoje, em homenagem aos “valentines” é Tenchi Muyo.
    A história é meio doida, é mais ou menos assim: Tenchi Masaki, o nosso querido protagonista sortudo, estava andando de boa na lagoa quando alguma coisa cai do céu direto na sua cabeça. O bagulho abre e uma garota (bonita por sinal) chamada Mihoshi, que é uma policial-espacial  pede socorro desesperada à Tenchi dizendo que está perseguindo um demônio espacial. Tipo, bem normal mesmo a pessoa perseguir outra pelo espaço. Quando nosso amiguinho resolve ajuda-la, chega Ryoko, uma pirata espacial que também é um demônio, e no meio da confusão a nave das duas é destruída. Sem ter para aonde ir, quem dá abrigo para elas? Nosso amiguinho Tenchi. Depois de um tempinho, Mihoshi aciona um rastreador que chama a princesa Aeka mais assim como no Pokemon que toda menina que Ash conhece ele quebra a bicicleta, a nave dela quebra e ela vai morar com o grande sortudo da história. Aí vocês perguntam: “o que isso tem a ver com o dia dos namorados?”. Simples, todas gostam dele, moram na mesma casa que ele e o abestado não pega nenhuma. Esse é o romance controverso da série.
    A maior parte da história é só sobre os problemas delas para ele, e também sobre um poder oculto que ele tem, o que é um mistério. O anime foi lançado de forma meio turbulenta: foram lançados seis episódios em 1992, com o sucesso veio o sétimo episódio, o Tenchi Special, depois mais um capítulo especial, o Mihoshi Special. Mais tarde, em 1994 vem o segundo OVA da série que vai do 8 ao 13 na ordem nos capítulos, e de 2003 à 2005, um terceiro OVA foi lançado, que foi mais focado no segundo, fechando a série dos capítulos 14 à 20 (não podiam ter lançado tudo de uma vez?…). Fora isso ainda teve mais três séries para TV: “Tenchi Universe”, “Tenchi in Tokyo” e “Tenchi Muyo GXP”, cada uma com 26 episódios, fora uma série alternativa baseada na história, mais que não tem muito a ver não. Em terras tupiniquins, o anime foi transmitido pela Band durante 5 anos mais ou menos, junto com a explosão de animes nos anos 1990/2000.
Agora vamos à alguns personagens:
Tenchi Masaki: O personagem principal da série. Um garotinho normal de 17 anos que mora em um templo com o seu avô, tudo aparecer uma nave-espacial em sua vida. É sempre assediado por Ryoko e fica sempre constrangido com isso. Tem um misterioso poder…
Ryoko: pirata-espacial que cai na terra sendo perseguida por Mihoshi. Ela acaba morando na casa de Tenchi e se apaixona por ele. Vive dando em cima dele e tem uma rivalidade de infância com a princesa Aeka.
Aeka Masaki Jurai: a princesa da Família Real de Jurai (aonde é esse reino?). Assim como Ryoko, ela se apaixona por Tenchi, só que pelo menos ela não fica assediando ele descaradamente como Ryoko mais isso não é desculpa para não serem rivais de infância. É arrogante pra caramba…
Sasami Masaki Jurai: irmã mais nova da princesa Aeka que é mais sensata que a irmã mais velha. É a melhor amiga de Ryo-Ohki.
Washu Habuki: é a cientista louca da série, que ficou selada em uma caverna longe pra caramba por 700 anos e acha que é a melhor cientista do universo. É meio (meio nada, é completamente) maluca e cria um monte de máquinas doidas, como a máquina das dimensões.
Mihoshi Kuramitsu: a policial-espacial que persegue Ryoko pelo espaço. No final das contas ela acaba morando na mesma casa que ela. É inocente, burra e muito atrapalhada, criando as cenas cômicas da série, vive pedindo ajuda a sua parceira Kiyone.
Kiyone Makibi: policial-espacial parceira de Mihoshi. Vive se estressando com ela por que ela é meio incompetente. Mais ainda assim gosta dela, só não admite.
Ryo-Ohki: é meio que um pokemon, uma mistura de gato com coelo (ou cabbit, se quiser chamar assim) que na verdade é a nave de Ryoko, já que ele pode se transformar em uma nave. Vira um grande amigo de Sasami e o mascote da série.

Em terras tupiniquins, o anime foi transmitido pela Band durante 5 anos mais ou menos, junto com a explosão de animes nos anos 1990/2000.

Gostaram da matéria? Mandem suas sugestões sobre animes. Tchau povo!

-” ”>-‘.’ ”>

clique na imagem para comprar
clique na imagem para comprar
padrao


Este conteúdo pertence ao seu respectivo autor e sua exposição está autorizada apenas para a Cyber TV.

COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on google
Google+
Share on tumblr
Tumblr

LEIA TAMBÉM