Território Livre – Temporada 1 – Programa 8

leia em 2 min


Olá, leitor(a)! Está no ar o último TERRITÓRIO LIVRE da primeira temporada!

Na noite de ontem, conhecemos o vencedor desta jornada de oito dias: Deivison venceu o então favorito Raphael e o terceiro colocado Itamar antes mesmo de terminar a última prova, envolvendo rapidez, estratégia, raciocínio lógico e sorte para acertar palavras-chave a partir de emojis de pintinhos, galinhas, ovos e bandeiras. Até a China, que fica bem longe da América Latina, foi envolvida na história.

Sem mais delongas, que tal curtirmos a entrevista com o campeão-desbravador? Vamos lá?

1) Como você descobriu o Território Livre?
Descobri através do ADM Evandro. Ele me abordou e perguntou se eu queria participar. Respondi que sim.

2) O que fez despertar seu interesse em participar do jogo?
O estilo do jogo me encantou. Um jogo no qual só depende do nosso empenho e de estratégias pra chegar longe. O ranking e as provas são os melhores.

3) Como foi o processo de seleção e como você reagiu ao saber que tinha sido aprovado?
Nossa! O processo foi RÍGIDO… Fui super bem tratado. Passei meu currículo (risos) e, quando descobri que fui selecionado, foi uma emoção ótima. Uma alegria imensa.

4) O que você achou das provas que disputou? Em quais você teve maior dificuldade e em quais teve facilidade?
Nossa! As provas foram todas bem elaboradas. A mais difícil foi a do Haiti, que era pra arrecadar dinheiro. Eu não estava em casa na hora da prova, aí ficou mais difícil. A mais fácil foi a que disputei a Zona de Risco com Itamar e Jeff.

5) E a convivência com os colegas? O que diz sobre isso?
Amei conhecer alguns lá. Já conhecia outros. Foi tudo bem harmônico.

6) Como foi chegar à final após uma semana de muitas provas?
Nossa! Foi muito tenso, porém gratificante. Dei uma virada [no ranking].

7) Como foi ganhar o Território Livre na penúltima rodada da prova decisiva? Você esperava ser o campeão da primeira temporada?
Bom… Eu não esperava até eu me salvar da zona de risco… No caso seria minha primeira e última. Mas quando venci a Zona, me senti mais fortalecido e confiante pra chegar à final e ganhar. Garra e confiança andam juntas.

8) Com que participantes você se deu melhor e com quais a relação ficou mais estremecida. Por quê?
Eu me identifiquei com a Geh. Ela é super legal e gente fina. Não gostei de algumas atitudes do Vinícius. Eu já estava quase pegando corda com ele (risos).

9) Você já participou de outros realities? Se sim, conta um pouco da sua experiência neles.
Sim, de vários. Em cada reality, vivi coisas diferentes. O engraçado é que é bom isso, viver coisas novas. Já venci alguns e perdi outros, faz parte.

10) Com uma palavra, defina a sua experiência no Território Livre.
Superação.

11) Se uma pessoa fosse chamada para participar de uma nova temporada do Território Livre, o que você diria pra ela?
Falaria que essa pessoa não ia se arrepender…

 

É isso aí! Não houve prêmio, mas Deivison ganhou uma experiência riquíssima, assim como os demais dezessete participantes. Uma delas, aliás, deixou um recado pro público de casa sobre a sua participação no TERRITÓRIO LIVRE. É com você, Geh!

Acabou-se o que era doce… por enquanto. No segundo semestre, uma nova temporada se inicia. Espero vocês. Um abraço!


Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Produção Cyber TV
Conteúdos originais Cyber TV
>
Criar conteúdo
Enquete
Votação para tomar decisões ou determinar opiniões
Cyber Editor
Publique ou agende capítulos e chamadas de divulgação de sua História